Ado Ado Ado Cada um no seu quadrado #paz

Segundo Drummond, “O difícil, o extraordinário, não é fazer mil gols como Pelé. É fazer um gol como Pelé”. Eu concordo totaaaaal! Você pode tirar duas conclusões dessa ideia.
1. “Posso fazer tudo que o fulaninho faz, mas nunca serei bom como ele” – que é real.
Ou
2. “É verdade! Uma pessoa pode fazer tudo exatamente como eu faço, mas nunca será eu” – muahahahahá (risada maléfica, esfregando as mãos e olhando para o espelho).

Meu bem, você é incrivelmente único. Não se sinta diminuído pelas conquistas dos outros. Há “mercado” para todos que se esforçam, acredite! “Ah mas o meu vizinho tem vantagem, assim até eu”- Meu irmão, está repreendido esse espírito de recalque crônico! O coleguinha conseguiu? Palmas para ele! O Tocantins para ele, pelo amooooor! Que seja muito feliz, porque quem é feliz não enche o saco.

Talvez, não do mesmo jeito, nem no mesmo momento, mas você pode conseguir também. Acredite em você e lute! ?? Presenciar uma conquista, que você queria chamar de sua, dói – somos humanos, não tem jeito – no entanto isso passa. Lembre-se de que você é você e ninguém mais pode ser. A historinha do outro pode ser linda, mas nunca será a sua. E faça de tudo para que a sua seja a melhor que puder. Talvez, esta existência seja única, então vamos botar para quebrar. ????
Boa semana para nós!
?? Se gostou da reflexão, compartilhe e me marque. Quero curtir! ? Beijos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *